Próximo da cidade medieval de Nolay e na posição do bico rochoso da Rocha-Nolay, esta fortaleza senhoril com telhados multicoloridos dá uma imagem romântica da Borgonha ducal. 

Fortaleza medieval com telhas envernizadas

A história do Castelo da Rochepot volta no século 12, fortaleza medieval com telhas envernizadas, foi a residência dos Senhores Pot, cavaleiros da Toison d’Or e conselheiros dos duques da Borgonha. Destruída na Revolução francesa, a esposa do Presidente da República Sadi Carnot, comprou para seu filho em 1893, as ruínas do castelo da Rochepot, permitindo assim adornar sua paixão para a história. A arquitetura Charles Suisse, se apoia nas escavações e nos documentos dos arquivos, ele restaura de maneira idêntica, permitindo conservar todos os elementos que asseguram sua defesa : ponte levadiça, barbacã, passarela. Ele constitui o último grande exemplo da arquitetura neogótica na França, obra de arte total, da linha de Viollet-le-Duc e é tombado como Monumento Histórico. O castelo sempre pertenceu a família Carnot.  

Visita

Ao longo da visita, descobrimos a capela, a sala dos guardas, a cozinha, cômodos com pinturas murais coloridas, uma mobiliário gótico e Renascentista. No pátio de honra, o poço, profundo  de 70m e escavado diretamente na rocha. O edifício beira a cidade de Rochepot, vilarejo pitoresco e porta de  entrada das Hautes-Côtes de Beaune. 
 

Foram do comum

Em uma das torres está o quarto chunês, que é um presente o aparato da última imperadora da China, TSEU-HI ao Presidente Sadi Carnot.